Em caso de impeachment, Robinson pode ser forçado a comer na mão de Henrique

0
355

rf

O jornalista Diógenes Dantas observou que o governador Robinson Faria (PSD) enfrenta os efeitos colaterais da decisão partidária para apoiar o impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT).

O deputado estadual Fernando Mineiro (PT), ex-líder do governo, reagiu mal ao anúncio do deputado Fábio Faria de apoiar o pedido de afastamento da presidente.

Mineiro defendeu, e o PT acatou, a entrega de todos os cargos do partido na gestão de Robinson.

Desta forma, o governador perde seu principal aliado de peso na campanha eleitoral de 2014.

A decisão do PSD dificulta o acesso de Robinson ao governo federal. Em caso de impeachment e de um eventual governo Michel Temer, Robinson Faria será forçado a negociar com o PMDB, de Henrique Eduardo Alves e do senador Garibaldi Alves Filho. Como será?

Deixe uma resposta